Cooperjornais

“O Cooperjornal é o informativo da Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce que mantém seus cooperados e demais públicos de interesse informados sobre as ações realizadas pela instituição. Além disso, conta histórias de pessoas que encontraram no cooperativismo a melhor solução de negócio de forma justa, ética e sustentável. Também aborda  temas sobre pecuária leiteira, agronegócio, mercado de leite e cooperativismo.”

COMITÊ EDUCATIVO

“Desde 1981, a Cooperativa desenvolve um trabalho aprofundado de educação cooperativista através das Reuniões de Comunidades e do Comitê Educativo são veículos de comunicação diretos e diários com o cooperado, pois proporciona fluxo de informação entre comunidade e a instituição.  Somos a única cooperativa do Brasil que realiza este trabalho há 38 anos ininterruptos.

PREVISÃO DO TEMPO

Confira a previsão do tempo nas 57 cidades de atuação da Cooperativa. Aqui você consegue ver as condições previstas  de temperaturas, sensação térmica, umidade do ar e mudanças climáticas. Não seja surpreendido pelo tempo!

Nossos 62 Anos

“1959, foi quando nasci! Realizei o sonho de meus pais e seus amigos. Eles imaginaram como eu seria! Se eu seria fiel a seus valores, se eu realizaria grandes feitos. Hoje, posso dizer: Eles ficariam orgulhosos! Semeei ideiais, plantei união e hoje colho desenvolvimento daqueles que acreditam em  mim! Eu sou a Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce há sessenta e dois mantenho o ciclo da vida de milhares de pessoas em movimento.”

 

A Cooperativa

“Nossa história iniciou com Luiz de Castro Côrtes que possuía o desejo de unir a classe produtora de leite e fazer mais pela comunidade, ele e outros 186 produtores rurais, foram os pioneiros do movimento cooperativista em Governador Valadares. Desde 1959, desenvolvemos de forma sustentável a bacia leiteira da região, atuando na captação de aproximadamente 6 milhões de litros de leite/mês. Com saúde financeira reconhecida pelo Programa de Desenvolvimento Econômico-Financeiro (GDA), somos a 2º melhor cooperativa do ramo agronegócio em Minas Gerais e a 5° melhor a nível Brasil, conforme a Organização das Cooperativas do Estado de Minas Gerais (Sistema Ocemg).”

missão

Oferecer produtos e serviços de qualidade, com preços justos, através de práticas inovadoras e sustentáveis, gerando valor e desenvolvimento aos cooperados, clientes, colaboradores fornecedores e sociedade. 

VISÃO

Ser reconhecida pela qualidade dos seus produtos e serviços, bem como pelo desenvolvimento da cadeia produtiva do agronegócio. 

VALORES

Atitude de dono. Compromisso social e ambiental. Confiança e credibilidade. Cooperação e parceria. Crescimento consiente com foco em resultado. Ética e transparencia em todas suas relações. Gestão e Inovação. Profissionalização e valorização das pessoas. Respeito. Segurança e integridade. Simplicidade nas ações. Trabalho em equipe e aprendizado contínuo.

Marca Ibituruna

A marca Ibituruna foi readquirida pela Cooperativa em 2014. Nasceu no Vale do Rio Doce marcando a identidade e qualidade local através dos produtos Ibituruna. Atualmente não possui fronteiras e é reconhecida em todo o Brasil.

NOSSos projetos

Com foco no aumento da produção de leite com qualidade , o projeto é desenvolvido por meio do Armazém da Cooperativa, assistências técnicas periódicas e do Projeto Educampo, que direciona o cooperado a ter gestão nos custos e sustentabilidade da atividade leiteira.

É um projeto que moderniza a atividade leiteira e garante a qualidade de vida para a família cooperativista. Utilizando recursos da própria Cooperativa e subsídios de parceiros, o cooperado tem a oportunidade de melhorar a qualidade genética do seu rebanho, seja ele pequeno, médio ou grande produtor.

Desde 1981, a Cooperativa desenvolve um trabalho aprofundado de educação cooperativista através das Reuniões de Comunidade e do Comitê Educativo. As Reuniões e o Comitê são veículos de comunicação direto e cotidiano com o cooperado, pois proporciona fluxo de informações entre comunidade e instituição. 

NOTÍCIAS

Cooperativa realiza evento em comemoração ao dia das mães

Cooperativa realiza evento em comemoração ao dia das mães

Nesta quinta-feira (5), a Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce realizou um evento em seu auditório doutor Lino Alves Filho, para celebrar o Dia das Mães, que acontecerá no próximo domingo (8). O encontro ocorreu às 16h e contou com a presença de mães colaboradoras, cooperadas e convidadas, para um diálogo com o tema: a importância da reunião da família em torno da mesa e como a Mesa Posta pode contribuir com essa união.

        O bate-papo foi coordenado pela psicóloga clínica, amante e estudiosa da Mesa Posta, Thaise Leite, que trouxe o tema de forma dinâmica e leve. Onde demonstrou que a Mesa Posta vai muito além de como organizar uma mesa corretamente, que ela é importante para a promoção de momentos em família, estimulando o diálogo e contribuindo com as relações familiares.

        Com as rotinas cada vez mais aceleradas, esse hábito tem se tornado escasso no cotidiano das pessoas. A abordagem desse tema teve o intuito de levar a reflexão sobre como momentos em família são fundamentais para a construção de laços e como a mãe tem papel fundamental em promover esses eventos em um lar. A palestrante ensinou técnicas e métodos de como organizar esses momentos com praticidade para que sejam realizados com mais frequência. Durante a conversa foram apresentadas através de utensílios, guardanapos e taças dicas objetivas que podem ser utilizadas em ambientes internos e externos. As mamães puderam tirar dúvidas e compartilhar experiências nesse sentido.

A diretoria executiva da Cooperativa também participou do momento e deixou uma mensagem reforçando a importância do papel que as mães desempenham para a sociedade. “A mulher em si tem uma função preponderante na sociedade e aquelas que são mães demonstram por meio de ações, exemplos, amor e cuidado o que é necessário para que o mundo seja repleto de valores, empatia e amor pelo outro. Para nós é um prazer imenso aprender com elas no dia a dia durante o trabalho. Percebemos que elas veem o mundo de forma diferente e isso nos ensina muito! Realizar momentos como este onde é possível reforçar que elas têm um papel transformador na sociedade, é fantástico!” compartilha João Marques, diretor presidente da Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce.

Após a troca de conhecimentos e experiências entre as mães, foi oferecido em comemoração ao dia delas um café da tarde e uma lembrança para homenageá-las.

Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce. Com você para todos os tempos!

Cooperativa participa de reunião para definição da ExpoagroGV – 2022

Cooperativa participa de reunião para definição da ExpoagroGV – 2022

Na manhã desta segunda-feira (21), a diretoria executiva da Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce participou da reunião para definições sobre a realização da ExpoagroGV 2022.

Participaram também líderes de entidades e Núcleos (Girolando, Guzerá, Zebú, Mangalarga Machador, Leiloeira e Vaquejada) que movem o agronegócio da região. Durante a reunião foram apresentados alguns detalhes do evento como a data de realização; data do lançamento (expectativa para abril); data da abertura oficial; datas de entrada de bovinos e equinos no Parque; propostas de leilões mistos, ou seja, na modalidade virtual e presencial; datas de shows e outras ações a serem realizadas.

O presidente da União Ruralista Rio Doce – (URRD), realizadora do evento, Marcelo Teixeira, iniciou a reunião pedindo apoio das entidades presentes e demonstrando a importância do evento para Governador Valadares e região.  “Já são dois anos em que a ExpoagroGV não é realizada devido a pandemia causada pelo coronavírus, mas precisamos retornar com este evento tão importante para o desenvolvimento do agronegócio de Valadares e região”. Comenta.

A Cooperativa é uma das instituições parceiras da URRD de longa data e sempre marca presença na ExpoagroGV. De acordo com o presidente da Cooperativa, João Marques, a Exposição é uma iniciativa de extrema relevância para a economia e o agronegócio do leste mineiro. “O setor tem impulsionado a economia brasileira. Somente no ano de 2021 o agro respondeu por 27,4% do Produto Interno Bruto (PIB) de acordo com o cálculo do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada – Cepea, em parceria com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Esses resultados expressam a importância do nosso setor para o Brasil. Além disso, somos responsáveis por alimentar milhões de pessoas com produtos que proporcionam segurança alimentar. Por isso, não podemos parar! Temos que seguir demonstrando a todos que o agronegócio é grande e importante para a sociedade. A ExpoagroGV é uma oportunidade de fazer isso, pois atinge milhares de pessoas em dez dias. Estamos empolgados para realizar, neste ano de 2022, a maior feira agropecuária do Leste de Minas.” Comenta.

Cooperativa é convidada para conhecer projeto Lixo Zero em São Geraldo da Piedade

Cooperativa é convidada para conhecer projeto Lixo Zero em São Geraldo da Piedade

A Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce é pautada por princípios orientadores, dentre eles, o interesse pelas comunidades onde atua. Por isso, foi convidada pela prefeita de São Geraldo da Piedade, Edna Marcelina, e pela secretária de agricultura do município Silvana Santigo para conhecer o projeto Zero Lixo.

O projeto Zero Lixo é uma inovação para o município que tem como objetivo principal transformar vidas por meio de impactos na preservação do meio ambiente do município. As ações visam preservar os lençóis freáticos, inibir a proliferação de insetos, promover da saúde pública, entre outras.

Para realizar a destinação correta de resíduos sólidos e úmidos e ainda gerar renda com as iniciativas o projeto já está em andamento de forma adaptada e precisa de alguns investimentos para sua melhoria. Com o objetivo de conseguir apoio e recursos da iniciativa privada para implantação de melhorias no projeto como a aquisição de uma prensa os representantes da Cooperativa foram convidados para compreender a dinâmica do projeto e seus benefícios.

 Entenda como é realizado a coleta do lixo

No distrito do Vinhático é realizada a separação o lixo úmido e seco. Após a separação, o lixo seco retorna para São Geraldo da Piedade onde é realizada a coleta seletiva e em seguida é destinado e vendido na cidade de Ipatinga. O lixo úmido é destinado a Estação de Compostagem para ser manejado e virar composto para ser utilizado na recuperação de áreas degradadas e nas hortas comunitárias.

A secretária de agricultura, Silvana Chaves, diz que o projeto é muito importante para a comunidade local. “As ações do projeto são relevantes, uma vez que durante muitos anos os resíduos foram depositados de forma desordenada, trazendo prejuízos aos munícipes. Percebendo isso, elaboramos esse projeto com a finalidade de proporcionar qualidade de vida aos civis minimizando a proliferação de insetos e animais transmissores de doenças, como por exemplo, moscas, ratos, escorpiões, entre outros. Além disso, reduzir a emissão de poluente na atmosfera e o mau cheiro e não permitir a contaminação do solo e dos lençóis freáticos.” Explica.

O projeto além de proporcionar mais qualidade de vida aos moradores também promoverá a geração de empregos e renda uma vez que o insumo básico, o lixo, vem de forma gratuita dos moradores da cidade. “O projeto tem contribuído para a indução de outros projetos que trarão ainda mais benefícios a população.” Completa Silvana.

            Esta é a Cooperativa sempre envolvida com os projetos das comunidades onde está inserida! Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce: com você para todos os tempos!

Mapa do Leite

Estamos presentes em quase 60 municípios da região do Vale do Rio Doce, levando desenvolvimento e fomentando a economia local.

Endereço da Cooperativa e Armazém
Avenida Rio Bahia, BR 116, km 411
Bairro Planalto - Gov. Valadares/MG
CEP: 35.054-060