Cooperjornais

“O Cooperjornal é o informativo da Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce que mantém seus cooperados e demais públicos de interesse informados sobre as ações realizadas pela instituição. Além disso, conta histórias de pessoas que encontraram no cooperativismo a melhor solução de negócio de forma justa, ética e sustentável. Também aborda  temas sobre pecuária leiteira, agronegócio, mercado de leite e cooperativismo.”

COMITÊ EDUCATIVO

“Desde 1981, a Cooperativa desenvolve um trabalho aprofundado de educação cooperativista através das Reuniões de Comunidades e do Comitê Educativo são veículos de comunicação diretos e diários com o cooperado, pois proporciona fluxo de informação entre comunidade e a instituição.  Somos a única cooperativa do Brasil que realiza este trabalho há 38 anos ininterruptos.

PREVISÃO DO TEMPO

Confira a previsão do tempo nas 57 cidades de atuação da Cooperativa. Aqui você consegue ver as condições previstas  de temperaturas, sensação térmica, umidade do ar e mudanças climáticas. Não seja surpreendido pelo tempo!

Nossos 62 Anos

“1959, foi quando nasci! Realizei o sonho de meus pais e seus amigos. Eles imaginaram como eu seria! Se eu seria fiel a seus valores, se eu realizaria grandes feitos. Hoje, posso dizer: Eles ficariam orgulhosos! Semeei ideiais, plantei união e hoje colho desenvolvimento daqueles que acreditam em  mim! Eu sou a Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce há sessenta e dois mantenho o ciclo da vida de milhares de pessoas em movimento.”

 

A Cooperativa

“Nossa história iniciou com Luiz de Castro Côrtes que possuía o desejo de unir a classe produtora de leite e fazer mais pela comunidade, ele e outros 186 produtores rurais, foram os pioneiros do movimento cooperativista em Governador Valadares. Desde 1959, desenvolvemos de forma sustentável a bacia leiteira da região, atuando na captação de aproximadamente 6 milhões de litros de leite/mês. Com saúde financeira reconhecida pelo Programa de Desenvolvimento Econômico-Financeiro (GDA), somos a 2º melhor cooperativa do ramo agronegócio em Minas Gerais e a 5° melhor a nível Brasil, conforme a Organização das Cooperativas do Estado de Minas Gerais (Sistema Ocemg).”

missão

Oferecer produtos e serviços de qualidade, com preços justos, através de práticas inovadoras e sustentáveis, gerando valor e desenvolvimento aos cooperados, clientes, colaboradores fornecedores e sociedade. 

visão

Ser reconhecida pela qualidade dos seus produtos e serviços, bem como pelo desenvolvimento da cadeia produtiva do agronegócio. 

valores

Atitude de dono. Compromisso social e ambiental. Confiança e credibilidade. Cooperação e parceria. Crescimento consiente com foco em resultado. Ética e transparencia em todas suas relações. Gestão e Inovação. Profissionalização e valorização das pessoas. Respeito. Segurança e integridade. Simplicidade nas ações. Trabalho em equipe e aprendizado contínuo.

Marca Ibituruna

A marca Ibituruna foi readquirida pela Cooperativa em 2014. Nasceu no Vale do Rio Doce marcando a identidade e qualidade local através dos produtos Ibituruna. Atualmente não possui fronteiras e é reconhecida em todo o Brasil.

NOSSos projetos

Com foco no aumento da produção de leite com qualidade , o projeto é desenvolvido por meio do Armazém da Cooperativa, assistências técnicas periódicas e do Projeto Educampo, que direciona o cooperado a ter gestão nos custos e sustentabilidade da atividade leiteira.

É um projeto que moderniza a atividade leiteira e garante a qualidade de vida para a família cooperativista. Utilizando recursos da própria Cooperativa e subsídios de parceiros, o cooperado tem a oportunidade de melhorar a qualidade genética do seu rebanho, seja ele pequeno, médio ou grande produtor.

Desde 1981, a Cooperativa desenvolve um trabalho aprofundado de educação cooperativista através das Reuniões de Comunidade e do Comitê Educativo. As Reuniões e o Comitê são veículos de comunicação direto e cotidiano com o cooperado, pois proporciona fluxo de informações entre comunidade e instituição. 

NOTÍCIAS

Cooperativa realiza evento exclusivo para mulheres

Cooperativa realiza evento exclusivo para mulheres

Na última sexta-feira (15), a Cooperativa realizou um evento exclusivo para mulheres a fim de celebrar o mês de conscientização contra o câncer de mama e de colo de útero, Outubro Rosa.

O evento contou com a participação especial da psicóloga Ana Angélica que abordou a temática: O protagonismo da Mulher no Século XXI. A palestrante destacou sobre autoestima, autocuidado, desafios da mulher na sociedade, a importância de se tocar e de se cuidar, entre outros assuntos.  Prestigiaram esta ação colaboradoras, cooperadas e convidadas dentre elas a primeira-dama de Governador Valadares, Andreia Merlo.

Além disso, o presidente da cooperativa, João Marques, externalizou sobre a importância da família e o papel da mulher. “Estarem reunidas nesta tarde mulheres como vocês, nos orgulha muito. Neste grupo temos mães, esposas, profissionais, filhas e tantos outros papeis exercidos por vocês responsáveis por mover a sociedade em vários aspectos. Eu sempre valorizo a família e sabemos que vocês são o esteio e eu admiro muito isso! Mas vocês também precisam se cuidar e serem cuidadas por isso, trouxemos a Ana Angélica, profissional brilhante na área de gente para orientar e estimular o autocuidado, principalmente neste período de pandemia que tem exigido mais de nós.” Diz.

  A colaboradora Gabriella Sousa compartilhou conosco a sua percepção sobre o evento realizado. “É de suma importância este tipo de ação em nosso ambiente de trabalho. A conscientização sobre o câncer de mama começa desde que eu me reconheço como mulher, vejo a valorização que tenho como pessoa e que necessito de cuidados. As palavras da Ana Angélica souberam me cativar de uma forma simples e delicada.” Comenta.

Intercooperação: Cooperativa recebe Coafocana

Intercooperação: Cooperativa recebe Coafocana

A Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce, durante os dias 27 e 28 de setembro, recebeu a comitiva dos cooperados e diretores da Cooperativa dos Fornecedores de Cana-de-Açúcar (Coafocana) do estado do Espírito Santo.

A visita teve o objetivo de possibilitar à comitiva conhecer os projetos de assistência técnica, os modelos de comunicação, a organização do quadro social e principalmente o Armazém da Cooperativa. Eles vivenciaram a experiência da Cooperativa nestes pontos para absorverem conhecimentos técnicos e práticos.

Os responsáveis por recepcionarem a comitiva foram o agente de desenvolvimento cooperativista, José dos Passos, o gerente de Política Leiteira, Alexandre Negri e a assessora de comunicação, Vanusa Alves. Estes foram encarregados de apresentar toda a Cooperativa e como ela e seus processos funcionam. Além disso, coordenaram a comitiva em visitas técnicas a duas fazendas modelos dos cooperados da Cooperativa Agropecuária.

 Durante as visitas nas fazendas Campina Verde e Estância Paraíso dos respectivos produtores Rubens Balieiro e Guilherme Olinto, ambas na região de Capitão Andrade, a comitiva conseguiu observar o sucesso do projeto de transferência de embrião da Cooperativa, o Crê$er Genética. Além do mais, foram orientados sobre a importância de um manejo adequado junto aos animais e sobre planejamento da produção de alimentos na fazenda.

Para Douglas Brandão cooperado da Coafocana a visita foi de grande valia e possibilitou vivenciar novas experiências. “A visita foi muito proveitosa, superando as nossas expectativas. Nós viemos aqui no intuito de verificar o modelo de vendas utilizado no Armazém e acabamos sendo surpreendidos com os demais setores que vocês possuem como, por exemplo, os projetos de assistência técnica junto aos cooperados, a organização do quadro social, a comunicação social, entre outros. Isso nos possibilitou ter uma visão ampliada sobre todo o processo para a gestão eficiente de uma cooperativa. E foi exatamente isso que viemos buscar, tendo em vista que estamos reiniciando as atividades na Coafocana que estava desativada.” Comenta.  

A relação estreita entre cooperativas é incentivada através do 6º princípio do cooperativismo, a intercooperação. Modelo de organização que dá para as cooperativas a liberdade de criar vínculo umas com as outras, como reforça Douglas. “Nós escolhemos visitar a Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce porque vocês são referências de atuação, tanto é que conhecemos vocês através de outra cooperativa que visitou vocês há um tempo. Por isso, decidimos vir aqui aprender com vocês e levar este modelo para a nossa região.”

            A Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce possui mais de 60 anos de atuação, e em cada tempo e ao modo de cada líder sempre foi pioneira em suas ações, buscando o desenvolvimento de seus cooperados e das comunidades onde está inserida. “Sabendo desta história de sucesso movida pela cooperação, orgulha-me muito ouvir este depoimento do meu amigo cooperativista. Visto que estou na cooperativa há mais de 16 anos e sei o quanto lutamos para levar desenvolvimento, econômico, social e educacional a todos aqueles que nos rodeiam. Foi um prazer imenso receber a comitiva da Coafocana e demonstrar para eles que o modelo de negócio cooperativo funciona e é a melhor solução de negócio para se empreender, trabalhar e evoluir.” Explica João Marques, presidente da Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce.

Cooperativa retorna as Reuniões de Comunidades presenciais

Cooperativa retorna as Reuniões de Comunidades presenciais

Devido ao avanço da vacinação em Governador Valadares e nos municípios ao entorno e à diminuição de contágio e mortes por Coronavírus, a Cooperativa Agropecuária Vale do Rio Doce, neste mês de agosto, decidiu retornar com as Reuniões de Comunidades, trabalho desenvolvido há mais de 40 anos pela instituição.

Reunião na comunidade do Bugre

         No dia 24 foi realizada a 1ª Reunião de Comunidade Cooperativista na modalidade presencial desde o início da pandemia causada pelo Coronavírus. Quem nos recebeu em sua fazenda na comunidade de São Sebastião do Bugre foi o cooperado Sebastião Leão Braga. A comunidade de Bugre foi a primeira a receber a reunião devido a uma solicitação dos próprios cooperados da região.

            Na oportunidade foi possível rever cooperados e realizar um bate-papo, cenário que a diretoria executiva da Cooperativa tem muito apreço, pois são nestes momentos que os cooperados podem repassar suas demandas e fazer suas solicitações. Além disso, a equipe da Cooperativa apresentou os relatórios sobre qualidade do leite, resultados do departamento de Política Leiteira, os novos modelos de comunicação da instituição e os resultados do Armazém da Cooperativa.

Após as apresentações os cooperados puderam apresentar suas demandas, realizar críticas e sugestões para melhorar ainda mais a prestação de serviço da Cooperativa junto aos seus donos, no caso, os cooperados.

Mapa do Leite

Estamos presentes em quase 60 municípios da região do Vale do Rio Doce, levando desenvolvimento e fomentando a economia local.

Endereço da Cooperativa e Armazém
Avenida Rio Bahia, BR 116, km 411
Bairro Planalto - Gov. Valadares/MG
CEP: 35.054-060