O Crê$er Leite é voltado para aperfeiçoamento da qualidade. Seja do leite, da gestão, monitoramento de produção, compra de insumos, alimentação do gado ou investimentos, o foco é aprimorar a atividade leiteira diretamente na fazenda.

Com o apoio do projeto Educampo – Sebrae/MG desde 2014, consultorias baseadas em diagnósticos socioeconômicos, focados em cálculos de custos de produção são aplicadas dentro da realidade de cada propriedade.

Os técnicos do projeto tem a missão de apontar melhorias com menor custo, maior eficiência, garantindo praticidade e excelência em qualidade, além, de implantar e ensinar aos cooperados boas práticas de gestão. Como consequência, esse trabalho possibilita a medição dos resultados das fazendas, aumento de produção, rentabilidade e proporciona identificar oportunidades para alavancar o faturamento da propriedade.

O Crê$er Leite é a extensão da plataforma que engloba produtividade.

Com o objetivo de acelerar os ganhos em produção e ciclo entre partos, o Crê$er Genética abrange a revolução biológica do rebanho. Seja com genética própria ou com genética subsidiada, as técnicas utilizadas são as mais modernas disponíveis no mercado.

Atualmente contamos com dois procedimentos disponíveis: a Inseminação Artificial em Tempo Fixo (IATF) e a Fertilização in vitro (FIV).

O procedimento de IATF consiste em uma técnica de indução ócia. Diferente da inseminação natura, o método induz e controla a ovulação das vacas. Assim, com o acompanhamento dos veterinários da Cooperativa (2018), um manejo nutricional adequado e controle sanitário, é possível obter maior número de prenhez na propriedade. Até o momento, já foram mais de 250 mil protocolos de IATF realizados através da Cooperativa.

Já a técnica FIV consiste em obter óvulos de boa qualidade para serem fertilizados em laboratório com genética superior, sendo implantados posteriormente nas matrizes receptoras (barriga de aluguel). É através da FIV que os cooperados têm acesso a excelente genética, pois as doadoras são animais de alta produção, com controle leiteiro e remetentes as melhores linhagens dos rebanhos nacionais.

A FIV é o método mais avançado do mercado, melhorando os indicadores reprodutivos com processos tecnológicos de última geração e material genético de alta performance. Ofertada desde 2014, até então, obteve mais de 6 mil transferências de embriões. Já foram investidos mais de 1 milhão de reais, sendo 37% de prenhezes confirmadas.

Para Minas Gerais e para os cooperados, o Cre$er Genética é uma revolução, principalmente por resultar rebanhos leiteiros eficientes e de alta produtividade de forma avançada a curto e médio prazo. O modelo da democratização do FIV já foi estudado e implantado em três estados do nordeste brasileiro, Espírito Santo e países como México e Colômbia.

O Crê$er Genética é a democratização genética e produtiva para pequeno, médio ou grande produtor.

Desde 1981, a Cooperativa desenvolve um trabalho aprofundado de educação cooperativista através das Reuniões de Comunidade e do Comitê Educativo. As Reuniões e o Comitê são veículos de comunicação direto e cotidiano com o cooperado, pois proporciona fluxo de informações entre comunidade e instituição. Através do educador cooperativista, é esclarecida dúvidas, levado a conhecimento as novidades e captadas as reivindicações para a diretoria executiva da Cooperativa.

Somos a única Cooperativa do Brasil a realizar este trabalho há 37 anos ininterruptos. Além das reuniões, a Cooperativa também desenvolve outras ações que buscam aprimoramento de conhecimento como a Universidade do Leite, Workshops, Dias de Campo entre outros.

As integrações são parte da Organização do Quadro Social (OQS). Estas e outras ações, realizadas pela OQS possibilitam uma gestão simultânea, mais participativa e eficiente com a oportunidade de se fazer voz ativa a todo instante.

O Cre$er Educação é focado no relacionamento e na troca de experiências.

É uma assistência técnica voltada para a gestão da propriedade com capacitação gerencial e tecnológica. Com o objetivo de promover geração e diversificação de renda, incorporação de tecnologias, segurança alimentar, sucessão familiar, fixação do produtor no campo, ganho em escala de produção, com maior eficiência e competitividade. Além disso, também foca em promover o melhoramento genético do rebanho com a utilização da técnica de fertilização in vitro (FIV), com material comprovadamente de qualidade superior e metas estabelecidas que permita o desempenho de ações capazes de impactar positivamente e acelerar o ganho genético dos rebanhos. 

O ATeG é um projeto voltado exclusivamente para produtores rurais que nunca receberam assistência técnica regular. Esse projeto é composto por um grupo de 30 produtores que são assistidos por um técnico mensalmente que ensina os participantes a medir seus indicadores e realizar toda toda a gestão da propriedade. O projeto é dividido em seis etapas: diagnóstico produtivo individualizado,planejamento estratégico, adequação tecnológica, gestão capacitação profissional complementar e avaliação sistemática dos resultados.

“Desde 2014, ano que o Educampo foi resgatado a Cooperativa Agroepecuária Vale do Rio Doce em parceria com o Sebrae-MG desenvolve um trabalho de assistência técnica oferecendo capacitação gerencial e tecnológica aos cooperados com o objetivo de impulsionar maior eficiência , qualidade e competitividade na produção leiteira das fazendas. Os técnicos realizam visitas mensais nas propriedades dos cooperados participantes, cumprindo, monitorando e controlando o planejamento anual traçado para o de melhores resultados.

Endereço da Cooperativa e Armazém
Avenida Rio Bahia, BR 116, km 411
Bairro Planalto - Gov. Valadares/MG
CEP: 35.054-060

 

Canais de Atendimentos